MADRE TERESA DE CALCUTÁ

Madre Teresa de Calcutá foi uma benfeitora que trabalhou muito no auxílio ao próximo levando amor, carinho e esperança para todos. Em 1979 recebeu o reconhecimento com o Prêmio Nobel da Paz pelo importante trabalho de solidariedade para com os pobres e doentes. Foi chamada em vida de a "Benfeitora dos Desamparados".

Agnes Gonxha Bojaxhiu (Madre Teresa) nasceu no dia 27 de agosto de 1910 em uma família religiosa, na cidade de Escópia, atual Macedônia. Desde criança sempre gostou de estudar os ensinamentos de Jesus. O seu pai desencarnou quando tinha apenas 8 anos de idade e, desde então, resolveu dedicar sua vida à caridade. Com esforço de seu trabalho, viajou para a Irlanda quando completou 18 anos de idade e entrou na Casa das Irmãs de Nossa Senhora do Loreto onde recebeu o nome de Teresa, em homenagem a Santa Teresinha de Lisieux.

Tinha planos de viajar para Índia, onde ela acreditava que havia mais necessitados precisando de seu amor. Pouco tempo depois, conseguiu realizar o seu sonho, viajou para Calcutá e começou a lecionar História e Geografia no Colégio de Santa Maria.

Em setembro de 1946 em uma viagem que estava fazendo percebeu que a população que vivia naquela região era muito pobre e carente de saúde e alimentos, então decidiu sair do grupo Irmãs de Nossa Senhora do Loreto e começou estudar enfermagem.

Em 21 de dezembro de 1948 conseguiu se nacionalizar indiana e a partir daí resolveu por conta própria viajar para todos os lugares carentes da Índia levando comida, remédios e dando aulas para todas as crianças que precisavam. Com o tempo algumas de suas alunas se juntavam a ela para colaborar em suas obras de caridade que ficaram conhecidas como "Missionárias da Caridade".

No ano de 1952, foi fundado o lar infantil Sishi Bavan (Casa da Esperança) e inaugurado o "Lar para Moribundos", em Kalighat, colaborando com todos os doentes, pobres e famintos. A partir daí seu grupo foi crescendo e se espalhando por toda Índia e alguns países do mundo.

Em agosto de 1989, conseguiu concretizar mais um dos seus sonhos, abrir uma casa de auxílio aos necessitados em sua cidade natal. Em setembro do mesmo ano, sofreu um infarto que a deixou bem debilitada, mas mesmo assim continuou trabalhando na caridade até o último dia de sua vida.

Madre Teresa de Calcutá faleceu no dia 05 de setembro de 1997, depois de sofrer mais uma parada cardíaca. Deixando para todos nós lições de solidariedade, com seus exemplos de caridade, renúncia, humildade e amor.

“Tudo o que fazemos é só uma gota no oceano, mas se não o fizermos essa gota se perderá para sempre”. (Madre Teresa de Calcutá)

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

©2017 Grupo Beneficente José Nunes Feller.

  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram