Capítulo 26 - Dai gratuitamente o que recebestes gratuitamente


Reencarnamos nesse mundo para reformar nosso caráter e fazer o bem ao próximo através das experiências da vida, e com isso evoluir em espírito.

Tudo o que precisamos para seguir por esses processos a Providência Divina já nos concedeu: o corpo físico; o sopro da inteligência; o livre arbítrio; os recursos benéficos da natureza (a alimentação, a água, o remédio, a matéria-prima) e a possibilidade de nos relacionarmos com outros seres humanos, até mesmo com os espíritos.

Além disso, muitos trabalharam a nosso favor: o conhecimento deixado por nossos ancestrais; a educação que recebemos; a afeição dos nossos pais, entes queridos e amigos; a oportunidade de trabalho para sustento digno do pão; as palavras que renovaram nossas esperanças; a mão que nos ajudou a reerguer.

Embora só conseguimos aproveitar na medida da nossa capacidade, tudo isso resultou em oportunidades para sermos o que somos hoje, um pouco melhor do que no passado, um pouco mais próximos de Deus e da paz de espírito.

Todas as oportunidades que nos trouxeram até aqui, nós recebemos gratuitamente. Nada foi cobrado em troca.

Conforme Jesus ensinou, e o Evangelho Segundo o Espiritismo veio esclarecer, o que aprendemos e desenvolvemos de bom deve ser repassado adiante para que as outras pessoas também encontrem a oportunidade de se melhorar e encontrar a paz de espírito. E da mesma forma que recebemos, devemos oferecer gratuitamente, sem cobrança de moeda ou troca de vantagens, sem barganha.

As ferramentas que somos capazes de oferecer às outras pessoas através do nosso aprendizado, da nossa condição e posição, não são nossa propriedade, somos simples intermediários, zeladores dos benefícios concedidos pela Providência Divina.

Deus quer que sua benevolência alcance a todos sem qualquer diferenciação, dependendo apenas dos esforços de cada pessoa em aproveitar no tempo devido suas oportunidades de progresso.

Nessa caminhada, quem tem mais socorre a quem não tem ainda, fazendo por amor ao próximo, seguindo a lição e o exemplo de Jesus que amparava, ensinava, socorria, consolava e instruía gratuitamente, para que todos tivessem a mesma oportunidade de crescer e evoluir.


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

©2017 Grupo Beneficente José Nunes Feller.

  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram